Tips

Poliquin Live

Dica 36: Fitoesteróis para baixar o colesterol e reduzir dores musculares?

Friday, August 12, 2011 11:36 AM
Vários estudos mostram que esteróis e estanóis têm capacidade de reduzir os níveis de colesterol. Pesquisas demonstram reduções nos níveis de colesterol total, LDL e, em alguns dos estudos observou-se a redução de triglicerídeos. Até mesmo o FDA e o N.I.H. permitiram alegação para a saúde em produtos alimentícios com esta nutrição específica, o que é muito raro para estas agências. Eu posso discordar de algumas das alegações declaradas: "As dietas com baixo teor de gordura saturada e colesterol, que incluem duas porções de alimentos que fornecem um total diário de pelo menos 3.4 gramas de ésteres de estanol vegetal em duas refeições, podem reduzir o risco de doenças cardíacas." Eu vejo uma falha com a parte que menciona "gordura saturada" , assim como "reduzir o risco de doenças cardíacas", uma vez que a redução de risco nunca foi comprovada. Há mais fatores para reduzir risco de doenças cardiovasculares do que o colesterol, o que faz um estudo recente realizado por pesquisadores gregos muito interessante. Publicado no periódico Nutrition, Metabolism and Cardiovascular Disease, além de diminuir o colesterol, LDL e triglicerídeos, o estudo mostrou reduções nos sdLDL (ou LDL pequeno e denso) e apoB. Um dos números mais importantes para se analisar é o colesterol total em proporção ao HDL. Manter a relação tChol / HDL abaixo de 4:01 é muito importante e esta é a parte onde o esteróis vegetais podem ajudar. Através da diminuição do colesterol total você pode realmente melhorar este marcador. Outro ponto importante é a relação apoB/apoA1. O estudo mais recente realizado pelos pesquisadores gregos mostra que mesmo este último fator pode ser melhorado com esteróis vegetais, mesmo que a dieta permaneça a mesma. Será que isso significa comer junk e tomar esteróis vegetais? Obviamente que não. De fato, os pesquisadores gregos, os quais permitiram que seus indivíduos pesquisados permanecessem na dieta ocidental típica, recomendam a mudança para uma dieta de estilo mediterrâneo, para realmente reduzir o risco de doenças cardíacas.

Então, como os fitoesteróis podem reduzir dores musculares? Siga meu ponto de vista. Se você pode manter seus níveis de colesterol sob controle, então é improvável que seu médico prescreva medicamentos com estatina. Um dos efeitos colaterais mais comuns provenientes do uso de drogas com estatina são dores musculares e fraqueza muscular. Este efeito secundário é muito mais comum em atletas e pessoas envolvidas no exercício regular. Pesquisadores do Instituto de Viena declaram que "Em outro estudo examinando o papel do exercício em pacientes em tratamento com estatina, percebemos que aqueles que executavam exercícios regulares tiveram extenuantes efeitos colaterais, caracterizados como sintomas de dor de cãibra, bem como fraqueza muscular, podendo aumentar a possibilidade de efeitos em até 25%. "Em outro estudo de 2004 no British Journal of Clinical Pharmacology, em um estudo sobre atletas e uso de estatina, os mesmos pesquisadores relataram que 78% dos atletas profissionais estudados não foram capazes de tolerar o uso de drogas com estatina devido a dores musculares. Não surpreendentemente, os efeitos secundários desapareceram em poucos dias após a descontinuação da droga. Fique longe destes remédios e também fique livre dos efeitos colaterais. Lembre-se, o seu risco de doença cardíaca não é devido a uma deficiência de drogas com estatina.
 
J Am Coll Nutr. 2006 Feb;25(1):41-8. Phytosterols/stanols lower cholesterol concentrations in familial hypercholesterolemic subjects: a systematic review with meta-analysis.

Moruisi KG et al. School of Physiology, Nutrition and Consumer Science, North-West University, Private Bag X6001, Potchefstroom, 2520, South Africa.
 
Nutr Metab Cardiovasc Dis. 2011 Feb 11. Phytosterols supplementation decreases plasma small and dense LDL levels in metabolic syndrome patients on a westernized type diet.
 
Sialvera TE,et al. Unit of Human Nutrition, Department of Food Science and Technology, Agricultural University of Athens, Iera Odos 75, Athens 11855, Greece.
 
Br J Clin Pharmacol. 2004 Apr;57(4):525-8. Professional athletes suffering from familial hypercholesterolaemia rarely tolerate statin treatment because of muscular problems.
 
Sinzinger H, O'Grady J.Wilhelm Auerswald Atherosclerosis Research Group (ASF) Vienna, Institute for Diagnosis and Treatment of Atherosclerosis and Lipid Disorders (ATHOS), Vienna, Austria. [email protected]

Copyright ©2011

FOLLOW US:

 

 

Join Our Email List Follow us on Twitter Follow us on Facebook Follow us on YouTube Follow us on Instagram